Polícia Civil prende suspeitos por pelo menos dez homicídios em Goiânia

Suspeitos seriam membros de uma facção criminosa. Casos teriam vínculo com o tráfico de drogas

Seis suspeitos de envolvimento em pelo menos dez homicídios em Goiânia foram presos pela Polícia Civil nesta quarta-feira (10/04). Quatro deles já estavam detidos no sistema prisional. Os crimes teriam relação com o tráfico de drogas e foram cometidos, em sua maioria, nas regiões Central e Noroeste da Capital.

Conforme apurado, os assassinatos foram cometidos por conta de rixas com membros de um grupo rival. Foram detidos Thiago Eduardo Gonçalves, de 18 anos, João Vinícius, 23,Victor José Alves Bueno, 20, Cleidson de Santana Lopes, 38, Rúlio Santos Cruz, 23,e Rosilene Costa, 38.

Para o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda, o caso comprova, mais uma vez, que o tráfico de drogas é a raiz de diversos outros crimes. “A motivação de grande parte dos homicídios é o tráfico. É grande o número de mandantes, executores e até mesmo vítimas envolvidas com esse tipo de crime. Mas a polícia está sempre atenta e, novamente, realizou uma grande operação”, afirmou.

De acordo com o delegado Rômulo Figueiredo de Matos, três crimes já tiveram seus inquéritos solucionados. Dois deles possuem relação com o tráfico e foram cometidos no Setor Solar Ville, em maio e junho de 2018. “Em um dos casos, o membro da facção furtou a arma do seu ‘comandante’ e foi punido com a morte. Em outra ocorrência, um homem devia R$ 150 em drogas e acabou morto”, explicou.

Outros casos ainda estão sendo investigados sob sigilo. “A Polícia Civil reafirma seu papel de solucionar o crime e evitar que novas ocorrências sejam cometidas. Essas prisões reforçam essa determinação, uma vez que foram presos mandantes e executores dos homicídios”, avaliou o delegado-geral da corporação, Odair José Soares.

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: