Polícia Civil desarticula laboratório de drogas, no Setor Fonte Nova, em Goiânia

Uma mulher foi detida. Ação resultou na apreensão de quase R$ 100 mil em dinheiro em espécie, além de drogas e materiais para refino
 
A Polícia Civil, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc) e da Delegacia de Investigação de Homicídios (DIH), desarticulou nesta quarta-feira (23/01), no Setor Fonte Nova, em Goiânia, um laboratório de refino de cocaína e produção de crack. Foram apreendidos quase R$ 100 mil em dinheiro em espécie, além de drogas, munições de fuzil e máquina contadora de cédulas.

O laboratório foi descoberto quando a polícia procurava um foragido do Poder Judiciário. Vários documentos em nome de Graziela da Ressurreição Santos estavam no local e  a suspeita foi localizada e presa em seguida. Com ela, os policiais encontraram grande quantidade de anotações da contabilidade do narcotráfico.

Graziela é esposa de Renato Pereira do Nascimento, mais conhecido como Renato Macaco, que integra uma grande associação criminosa e está preso em Rondônia por tráfico de drogas, homicídios e posse ilegal de armas de fogo, e vinha sendo investigada pela Denarc.

Em junho de 2018, a Polícia Militar do Distrito Federal prendeu cinco pessoas e um veículo com fuzis, pistolas e carregadores variados, além de munições e explosivos que seriam utilizados para resgatar integrantes da quadrilha, que estavam detidos em Formosa, cidade do interior de Goiás, no entorno da capital federal. Entre os principais alvos do resgate, estava Renato do Nascimento.

Fotos: Polícia Civil
 
Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

Compartilhar: