Irapuan garante que forças de segurança manterão ritmo de trabalho até último dia de sua gestão

Secretário de Segurança Pública entregou dez Amaroks ao Batalhão Ambiental da PMGO. Veículos têm nova identidade visual

 

Nenhuma operação ou trabalho deixará de ser realizado pelas forças policiais até o fim ano, assegurou o secretário de Segurança Pública, Irapuan Costa Júnior, durante a solenidade de entrega de dez Amaroks ao Batalhão Ambiental da Polícia Militar de Goiás (PMGO). O evento ocorreu na tarde desta sexta-feira, na sede da unidade militar, no Parque Ecológico Altamiro Pacheco.

“A nossa chama permanecerá acesa até o último instante de nossa gestão”, afirmou. Segundo ele, a dedicação ao trabalho que realizou à frente da SSP é decorrência do amor ao nosso Estado e ao Brasil. “Tenho orgulho de atuar à frente da melhor Polícia Militar do Brasil”, reiterou.

Nos próximos dias, de acordo com o subcomandante geral da PMGO, coronel Ricardo Rocha, o Batalhão Ambiental receberá outras 11 caminhonetes. Segundo ele, os veículos serão distribuídos para todas as unidades ambientais. “O governador José Eliton cumpriu todo o planejamento estabelecido de valorização da nossa tropa”, afirmou.

Ricardo Rocha disse que a expectativa é a de que nos próximos anos tenha continuidade o processo de atualização dos equipamentos e de qualificação dos policiais militares. Ele citou a aquisição de 2 mil pistolas Sig Sauer, cujo primeiro lote, composto por 700 unidades, será entregue nos próximos dias.

O tenente-coronel Marco Antônio Guimarães de Castro, comandante do Batalhão Ambiental, ressaltou os avanços da unidade neste ano. Explicou que a sede foi reformada e será ampliada nos próximos meses, para fortalecer o trabalho de educação ambiental. Ressaltou a instalação de unidades em outras cidades e que os veículos recebidos possibilitarão a atuação em locais de difícil acesso.

Também participaram da solenidade o comandante-geral da PMGO, coronel Sílvio Vasconcelos Nunes; o chefe do Estado Maior Estratégico, coronel André Henrique Avelar; o comandante do Policiamento da Capital, coronel Ricardo Mendes, entre outros.

 

Compartilhar: