Governo de Goiás anuncia extinção da terceira classe nas forças policiais

Projeto de lei prevê, entre outras medidas, a extinção da graduação de soldado de terceira classe

 

O governador Ronaldo Caiado e o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda, anunciaram nesta segunda-feira (28/01), que será enviado à Assembleia Legislativa do Estado de Goiás o projeto de lei de reestruturação de carreiras das forças policiais goianas. “Estamos recuperando a condição de dignidade de milhares de policiais goianos”, afirmou Caiado.

Com a medida, fica extinta a graduação de soldado de terceira classe que atinge 2.022 soldados da Polícia Militar e 228 do Corpo de Bombeiros. O projeto também garante a reestruturação de carreira de 400 escrivães e agentes da Polícia Civil e 11 agentes de segurança prisional. “No total, 2.661 servidores saem da categoria criada por quem não teve respeito pela segurança pública e seus valorosos servidores”, destacou o governador.

Para o secretário Rodney Miranda, o projeto corrige uma grande injustiça com as forças policiais. “A correção dessa distorção salarial é fundamental para dar mais dignidade aos servidores, que fazem o mesmo trabalho que os demais policiais no combate à criminalidade”, ressaltou.

De acordo com o titular da SSP, a medida demonstra que o Governo de Goiás trata a segurança pública como prioridade. “O governador demonstra total sensibilidade com nossos policiais e sabe que isto vai se refletir na ponta, numa entrega cada vez maior de nossos combatentes para gerar maior segurança para a população”, disse. Ele também elogiou a atuação dos profissionais que, até então, recebem salários menores, mas que trabalham como todo afinco para garantir mais segurança aos cidadãos. “São homens e mulheres dotados de muita força e disposição, mas que agora podem assistir a correção de uma injustiça, e como profissionais, claro, que se alegram com este gesto feito pelo Governador”, assegurou Miranda.

Clique aqui e confira a íntegra do projeto.

 

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública

 

Compartilhar: