Novo formato vai tornar teleatendimento de emergência da PM mais rápido

 

Medida também vai permitir que mais policiais militares atuem nas ruas; Teleatendimento ficará sob a responsabilidade da Associação de Deficientes Físicos do Estado de Goiás

“Estamos tornando o atendimento policial ainda mais rápido e garantindo mais inclusão dos portadores de necessidades especiais”, afirmou o secretário de Segurança Pública, Irapuan Costa Júnior, nesta quarta-feira (10/10), ao assinar o documento que permite que o teleatendimento de emergência do Comando de Operações da Polícia Militar, o 190 e 198, seja feito por profissionais da Associação dos Deficientes Físicos do Estado de Goiás (Adfego).

Além de garantir mais agilidade no atendimento, a medida também permitirá a ida de mais policiais militares para o policiamento ostensivo nas ruas. “É mais uma ação estratégica que vai garantir mais otimização do trabalho da PM”, destacou o comandante-geral da corporação, coronel Sílvio Vasconcelos.

Ficou acertado, ainda, que os profissionais vão passar por treinamento para executar as atividades. “Cada atendente contará com softwares especializados e infraestrutura de comunicação e informação”, destacou o subcomandante-geral da PM, coronel Ricardo Rocha.

As demandas reportadas pelos cidadãos ao serviço serão recebidas, registradas, classificadas e, conforme necessidade, repassadas ao serviço de despacho. “É um momento histórico. Teremos profissionais cheios de garra e com desejo de dar o seu melhor”, ressaltou a presidente da Adfego, Maria Clara Carvalho.

Diversas autoridades estiveram presentes. Entre elas, o secretário-chefe do Gabinete de Assuntos Estratégicos, Ricardo Balestreri; e o comandante de Policiamento da Capital, coronel Ricardo Mendes.

 

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública
(62) 3201-1027

 

Compartilhar: