José Eliton coordena reunião de trabalho com servidores do sistema penitenciário

1O vice-governador e secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, José Eliton, participou, nesta quarta-feira (1º/6), de reunião de trabalho com servidores do sistema penitenciário goiano. O encontro foi realizado no auditório do Complexo Prisional em Aparecida de Goiânia. Entre sugestões e propostas elencadas pelos funcionários que possam fomentar políticas públicas para o setor, eles também ouviram de José Eliton que a viabilização de mais investimentos para a área é uma das prioridades da Secretaria. “Precisamos que o sistema prisional seja cada vez mais eficiente e capaz de fazer valer a efetividade das penas”, disse ele.

Servidores que estiveram no encontro elogiaram a iniciativa do vice-governador e secretário em despachar, durante toda a tarde, diretamente do complexo. Ao ouvir as demandas específicas daqueles que lidam, dia a dia, com o sistema penitenciário, José Eliton foi apontado como um gestor que inicia uma nova forma de trabalhar a segurança pública. “Esse diálogo franco e aberto é importante para o sucesso do nosso trabalho”, afirmou o superintendente de Reintegração Social e Cidadania da Superintendência Executiva de Administração Penitenciária, Fabrício Bonfim.

José Eliton explicitou, mais uma vez, a importância da liberação de recursos do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen) que estão retidos pelo governo federal, sobretudo porque, segundo ele, o fortalecimento do sistema penitenciário é fundamental no enfrentamento ao crime. “Não adianta só endurecer as leis. É importante que possamos contar com um sistema prisional eficaz”.

De acordo com o vice-governador, o empenho para a concretização de mais e mais investimentos é uma constante. Citou, como exemplo recente, a defesa em prol de mais recursos durante reunião do Colégio Nacional de Secretários de Segurança Pública, na terça-feira (31/05), em Brasília, que contou com a presença do presidente interino, Michel Temer, e do ministro da Justiça, Alexandre Moraes.

Mencionou ainda a utilização de ferramentas tecnológicas no combate ao crime. “Enquanto a inteligência antecipa situações, um sistema penitenciário forte retira das ruas aqueles que praticam crimes contra a sociedade”, afirmou. E reconheceu a atuação de todos os profissionais que atuam nas diferentes áreas da segurança pública no Estado. Afirmou que, apesar das dificuldades enfrentadas nacionalmente, Goiás tem conseguido reduzir os índices de criminalidade. “É fruto do trabalho de todos vocês”, elogiou.

Mais vagas no semiaberto

O vice-governador também vistoriou as obras da Colônia Agroindustrial do Regime Semiaberto. Dois pavilhões estão sendo reformados. Após a conclusão dos trabalhos, serão 250 novas vagas para detentos. Outras 108 estão sendo redefinidas nas obras. Ao todo, o local terá capacidade para abrigar 466 reeducandos. A estrutura passa por pintura e outros reparos. As obras estão em fase de acabamento e devem ser entregues nos próximos dias. Os detentos podem trabalhar internamente por meio de parcerias com empresas privadas.

Diversas autoridades participaram desta agenda no Complexo Prisional. Entre elas, o superintendente executivo da SSPAP, coronel Edson Costa; o superintendente executivo de Administração Penitenciária, coronel Victor Dragalzew; o superintendente de Segurança Penitenciária, João Júnior; e a superintendente de Gestão, Finanças e Planejamento, Luciana Daher.

FOTOS: ANDRÉ SADDI

Comunicação Setorial
Secretaria de Estado de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP)
(62) 3201-1004, 3201-1055

 

Compartilhar: