Governo de Goiás anuncia policiamento 24 horas permanente em  plataformas do Eixo Anhanguera

Medida será implantada nas próximas semanas; “Vamos avançar na segurança pública e ordenar o embarque de usuários do transporte coletivo e pacificar esse sistema”, afirma governador José Eliton;  Para o secretário Irapuan Costa Júnior, batalhões vão garantir cada vez mais sensação de segurança à população

O governador José Eliton anunciou nesta quarta-feira (11/04), que o Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Segurança Pública, implantará, nas próximas semanas, batalhões permanentes da Polícia Militar nas plataformas do Eixo Anhanguera. “Queremos avançar na segurança pública e ordenar o embarque dos usuários de transporte coletivo”, disse.

A informação foi concedida durante o programa Balanço Geral, apresentado pelo jornalista Oloares Ferreira, e veiculado pela TV Record Goiás. Segundo José Eliton, o policiamento será feito 24 horas por dia. “Vamos pacificar este sistema que atinge milhares de goianos diariamente”, afirma.

De acordo com o secretário de Segurança Pública, Irapuan Costa Júnior, a implantação do policiamento 24 horas nessas áreas vai garantir que os indicadores criminais apresentem quedas cada vez maiores. “Nosso maior objetivo é fazer com que a população se sinta cada vez mais segura”, diz.

José Eliton também destacou que, na próxima semana, será anunciada nos procedimentos de lavraturas de TCO, os Termos Circunstanciados de Ocorrências. “O próprio policial militar realizará o procedimento, que será depois ratificado pela Polícia Civil. Na própria viatura, que hoje tem um sistema integrado de comunicação, a ocorrência poderá ser registrada”, explica.

A medida vai agilizar procedimentos, especialmente em municípios do interior onde o cidadão tem que deslocar para outra cidade para fazer registros desta natureza.

A nova modalidade reduzirá o tempo das viaturas paradas nas delegacias e, consequentemente, garantir um tempo maior para a segurança da população. “É uma forma de desburocratizar e fazer a integração entre as forças policiais em favor dos goianos”, ressalta o governador. Atualmente, em caso de ocorrência, o cidadão aciona a PM e, para confirmar o TCO, necessita registrá-la na Polícia Civil.

FOTOS: WILDES BARBOSA , ANDRÉ COSTA E PM/5

Comunicação Setorial
Secretaria de Segurança Pública

(62) 3201-1004 / 1027 / 1055

Compartilhar: